domingo, 30 de agosto de 2015

Blogagem Coletiva - Meus 5 Personagens Históricos Preferidos

Blogagem Coletiva - Meus 5 Personagens Históricos Preferidos

Recentemente fui convidada pela Larissa a participar de um grupo de blogueiras chamado. Mensalmente um tema é votado e o desse mês tem tudo a ver comigo já que eu amo pouco História. Por incrível que pareça foi extremamente difícil definir quais seriam meus preferidos, mas fiquei feliz com os nomes que escolhi incluir na lista. Sem mais delongas e sem ordem de preferência, pois todos moram no meu coração:

1. Cleópatra
A Rainha do Egito, que nasceu na Grécia, era uma excelente estrategista militar, falava 6 línguas, estudava filosofia e literatura. Seu reinado foi marcado por sua grande astúcia e ambição. Envolveu-se com César, inclusive estava em Roma quando ele foi assassinado nas escadarias do Senado, e Marco Antônio, com quem mais tarde cometeria suicídio.

2. Boudica
Rainha dos icenos, foi agredida e sua filhas violentadas por soldados romanos. Liderou várias tribos numa das maiores e mais violentas rebeliões contra o Império Romano. Quase conseguiu vencê-los porém, o general Gaius Suetonius Paulinis atraiu o exército celta, em maior número, para um local onde as legiões romanas obteriam vantagem. Diz-se que, assim como Cleópatra, Boudica e suas filhas preferiram cometer suicídio a cair nas mãos dos legionários.

3. Nefertiti
Pouco se sabe sobre Nerfetiti. Esposa de Amenhotep IV - mais conhecido por Akhenaton - ajudou seu marido na disseminação do monoteísmo no Egito, idolatrando o Deus Aton (sol). Após a destruição da nova capital Aquetaton, erguida em homenagem ao seu Deus, Nefertiti some misteriosamente. Apesar de muitos confundirem, ela não é mãe de Tutankhamon.

4. Hatshepsut
Após a morte de seu marido Tutmés II, e como seu enteado Tutmés III era muito jovem, Hatshepsut torna-se regente. Após alguns anos, declarou-se faraó com o apoio do clero, inicialmente contra. Seu governo é marcado pela prosperidade e paz. A rainha-faraó governou o Egito por 22 anos e era uma mulher de muita inteligência e astúcia.

5.Elizabeth I
Filha de Henrique VIII e Ana Bolena, em seu reinado foi mais tolerante às questões religiosas - sua antecessora e meia-irmã era Maria Sanguinária - , estabeleceu uma igreja protestante e morreu sem herdeiros.


 photo 2_zps6ykfzqzw.png

domingo, 23 de agosto de 2015

Confissões de um coração


Confissões de um coração 

Minha alma nunca esteve tão em paz como nos últimos dias. Há muito tempo que não sentia a mente clara e o coração leve, apesar de às vezes o sentir pesado. Tenho me concentrado em realizar atividades que me agradem, estou muito feliz em ver que até a minha vontade de escrever voltou. Há quantos anos não escrevo uma poesia...
Apesar da enorme vontade de chorar algumas vezes, e mesmo as lágrimas teimarem em não sair, nunca me senti tão livre. Livre. Durante muito tempo me senti presa, obrigada a fazer algumas coisas e abrir mão de uma coisa que me é muito preciosa: um tempo sozinha. Concordo que necessito desse tempo muito mais que as outras pessoas, mas se soubesse o quanto me é necessário, o quanto eu desejo poder refletir sobre algumas ações, questões ou apenas ficar somente eu e os Deuses.
Uma etapa da minha vida estou deixando para trás, uma etapa que me trouxe alegrias e tristezas, mas que consumiu boa parte da minha sanidade. Amadureci muito e percebi que não era assim tão forte quanto eu pensava, submeti-me a situações que disse que jamais iria. Foi difícil tomar uma decisão que eu sabia que não seria fácil, mas que seria a melhor para todos. Agora estou pronta para novos desafios e para as surpresas que a vida pode me guardar.
Então por mais uma noite vou deitar minha cabeça no travesseiro em paz e esperançosa, pois amanhã é um novo dia.

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Reflexões - Redes Sociais

Reflexões - Redes Sociais

As redes sociais nos possibilitaram uma interação maravilhosa com o mundo, mas ao mesmo tempo contribuiu para disseminar mentiras, intolerância e, sem moderação, atrapalham nossa vida. E uma ferramenta que surgiu para facilitar nossa vida acabou se tornando um cenário de competição, ou pior, acabou virando nossa própria vida. 
Fotos perfeitas, pessoas lindas, felizes o tempo todo, várias viagens, somente acontecimentos bons... Que vida perfeita! Pena que é só uma ilusão. Uma ilusão criada para fazer as pessoas sentirem inveja e ao mesmo tempo enganar a si mesmo de que sua vida é perfeita. Mas ela não é perfeita, a vida de ninguém é perfeita. Você não vai sair bem em todas as fotos. Não vai. Mas calma! Não é o fim do mundo. Isso não acontece só com você, acontece com todo mundo, mas todos evitam que essas fotos se tornem públicas com medo da reação das outras pessoas. Mas pera... Se isso acontece com todo mundo, por que todos temos medo da rejeição? E mesmo que você seja fotogênico de morrer, qual o seu direito de ferir os sentimentos de outra pessoa?
 Nem todos os seus posts terão um like. Nem todo mundo gosta do que você publica ou compartilha e isso é o direito de cada um, assim como é o seu se expressar através de alguma frase, foto, música ou vídeo. Agora pensa comigo: você posta apenas para aprovação de alguém, ou posta apenas porque está com vontade e a vida é sua e você faz o que quiser? 
Quando você está passando por uma fase ruim, outras pessoas estarão passando por uma fase boa. Se bem que ultimamente quase ninguém tem passado por maus bocados, é tudo sempre tão lindo e perfeito no facebook...Acontece que está todo mundo mal, mas negamos que isso esteja acontecendo e então fazemos com que as pessoas ao nosso redor se sintam piores ainda para que possamos nos sentir bem (?). Postar que sua vida está ótima não irá fazer com que ela fique ótima. Assim como se você acreditar na primeira informação, independentemente da fonte, e começar a espalhá-la como verdadeira não a tornará verdade. Eu estou assustada, muito assustada. É inacreditável como algo tão bobo pode ser tão impactante na vida de alguém. A vida é fora da internet, a vida é para se viver e não para esfregá-la na cara dos outros. Quem é feliz não quer fazer o mal, quem é feliz está mais preocupado sendo feliz do que mostrar sua felicidade para causar inveja.
Então se alguém postar uma foto sua 'feia', tire proveito do momento e aprenda a rir de si mesmo. Antes de postar uma foto 'feia' de alguém, pense em como a pessoa se sentiria, ao invés de só pensar em como você está lindo na foto. Antes de compartilhar qualquer notícia/denúncia, verifique a veracidade da mesma para que uma mentira não se torne uma tragédia - como no caso da mulher que foi espancada até a morte, porque ela parecia (isso mesmo, parecia!!) a mulher que estava em uma foto de denúncia, sendo acusada de sequestrar crianças para rituais de magia negra. E antes de sentir inveja da vida dos outros...Viva. Viva os altos e baixos da vida, mas viva. Livre-se dessas regras impostas pela sociedade de que sua vida tem que ser perfeita. Solte-se das amarras da prepotência e do narcisismo e seja feliz como se não houvesse redes sociais!
Vou deixar um vídeo ótimo da Jout Jout que diz exatamente o quanto essa 'vida perfeita' é apenas uma criação da nossa mente e não nossa realidade.